TEMAS

O mau hálito pode ser evitado

O mau hálito é uma característica comum de quem não cuida da sua saúde oral. Mas, como é que ele surge e, principalmente, como pode ser evitado?

Colutórios e gel - O mau hálito é uma característica comum de quem não cuida da sua saúde oral. Mas, como é que ele surge e, principalmente, como pode ser evitado?

Entre os milhões de bactérias existentes na nossa boca que contribuem para o mau hálito estão a Treponema denticola e a Porphyromonas gingivalis. Estas bactérias degradam os resíduos alimentares presos entre os dentes ou nas bolsas gengivais. Durante este processo de decomposição são produzidos gases voláteis derivados do enxofre que resultam num hálito desagradável.

Colutórios e gel - Os sintomas de higiene oral inadequada

Os sintomas de higiene oral inadequada

Muitas vezes, o mau hálito deve-se à ingestão de algum alimento em particular ou devido a uma doença no estômago. Mas, em cerca de 90% dos casos, a causa do mau hálito (ou halitose) reside na boca e/ou na garganta. Uma em cada quatro pessoas queixa-se de mau hálito ocasionalmente e cerca de 6% da população possui um mau hálito permanente. É uma afeção mais comum no sexo feminino, sendo que as pessoas mais velhas são mais frequentemente afetadas.

Colutórios e gel - Uma boa higiene oral é o melhor tratamento para o mau hálito

Uma boa higiene oral é o melhor tratamento para o mau hálito

É um assunto muito pouco discutido, mas é certamente um tema com o qual os médicos dentistas parecem concordar: o mau hálito é, normalmente, um sintoma de uma higiene oral inadequada. Portanto, o controlo da placa bacteriana pode ajudar a prevenir a halitose, assim como escovar corretamente os dentes, limpar os espaços interdentários e higienizar a língua.

xs
sm
md
lg